The Night Of

25 de setembro de 2016

Série nova dos deuuuuuuses pra dividir com vocês!

te-night-of

Nem sei porque demorei tanto! Terminei tem umas semaninhas já… É que esse negócio de fazer vídeos, escrever livro (uhum, me aguardem! Aliás farei um post com todas as novidades, filme, novela e filho – Pablo, o cachorro que adotamos! – a vida tá bem louca!

Mas vamos lá…

A série é da HBO e estreou em julho, com 8 episódios. Curtinha. Fui acompanhando pelo NOW, que passava com uma semana de atraso. E assim, que OBRA PRIMA. Sério. É muito, muito, muito bom. Excelente.

Do começo ao fim somos cúmplices do protagonista, Nasir Khan, personagem do extraordinário Riz Ahmed. Eu não conhecia esse ator, e assim, tá de parabéns. O trabalho dele é surrealmente impecável. Ele vai na perfeição do detalhe. Minucioso. Sem esforço. E olha que o personagem se transforma do começo ao fim da série. E a gente vai com ele…

Nasir é o menino bom moço, de família, estudioso, que numa noite qualquer resolve roubar o taxi do pai para ir a uma festa. No meio do caminho um moça bem linda para o taxi e muda avassaladoramente vida do menino.

É um policial, com mistério, com drama de família, com suspense. Fala de sistema judiciário, vida no presídio americano, preconceitos raciais… Nem é muito minha praia não. Nem é o tipo de coisa que pilho para assistir. Sou mais da poesia, de falar de amor, de chorar, sabe assim? Mas a crítica americana ajoelhou tanto pra série que fui assistir. E alucinei!

Disse no começo do post e repito: obra prima! Roteiro maravilhoso, direção primorosa, atores comoventes, fotografia, edição, tudo! Tudo é redondo.

Se você ainda não viu, corre pro NOW que já tem a primeira temporada todinha lá!

Enquanto isso eu conto os segundos para segunda!

Já tô roendo os dedos!

Publicado em: CULTURA | Com a(s) tag(s):

Stranger Things

12 de setembro de 2016

stranger-thingsSérie nova pra conta!

O Netflix estreou Stranger Things e na mesma semana eu ouvi umas 5 pessoas falando que era inacreditável. Que eu tinha que ver.

Demorei um pouquinho para dar play e ouvi mais um tanto de gente indicando. Povo completamente apaixonado. Era uma temporada pequena, só 8 episódios, resolvi começar.

Fui com tanta sede ao pote, que o primeiro episódio me frustrou um pouco. Não ameeeeeeei como tava preparada/esperando amar.

A história se passa em 1983, numa cidadezinha pacata americana. Começa com o sumiço de um menino e o aparecimento de uma menina. O núcleo protagonista é composto por 4 crianças maravilhosas além de Winona Ryder (falaremos dela jajá!) e isso é a melhor parte do filme porque eles foram MUITO bem escalados.

A série toda acontece com a amizade dessas crianças como pano de fundo, e elas dão show. O trabalho dos meninos é impecável. E a menina, a única menina no time que vem com poderes sobrenaturais (isso você também já vê no primeiro episódio!) também arrebenta e ela quase não tem texto. Vem tudo no olhar.

É uma mistura de ficcao cientifica com pitadas de horror sobrenatural. E no meio de tudo isso você assiste um tanto de assunto tratado: distanciamento entre pais e filhos, perda da inocência, descobrimento do amor, frustrações, medo…

E ainda tem Winona Ryder totalmente entregue aqui. Muito bom ver o que ela faz como a mãe do menino desaparecido. Gostei muito.

Confesso que em alguns momentos achei meio longo, arrastado. Lá pelo quarto episódio começou a acontecer mais legal pra mim, no final arrastou um tantinho de novo. Mas não tem como dizer que não é bom mistério. Não ameeeeei como a maior parte das pessoas, mas gostei muito!

E certamente verei a segunda temporada!

Publicado em: CULTURA | Com a(s) tag(s): ,

Chapada: Onde comer e Onde Ficar

10 de setembro de 2016

Terceiro e último post da minha viagem pra Chapada dos Veadeiros.

Acho que depois desse não vai faltar nada. Ah vai, o vídeo. Que tá quase pronto e eu tô louca pra mostrar.

Mas enquanto ele não vem vamos seguindo com as minhas últimas dicas para não faltar nada na sua lista!

top-5-chapada6

Eu escolhi a Baguá meio na pesquisa de internet. Olhei váaaarias, fucei o instagram de váaaaarias. Já sabia que queria ficar na Vila de São Jorge e não em Alto Paraíso (você pode se hospedar em qualquer uma das duas, já expliquei isso aqui!) então já afunilou a pesquisa. Daí fui na que achei mais linda/confortável. E me dei bem! Amei o hotel!

Fica beeem do lado do Parque Nacional e alguns 20 e poucos quilômetros a mais dos passeios, uma vez que você tem que passar por Alto pra ir pra maioria dos lugares. Mas pra gente valeu super a pena. Ficamos muito satisfeitos.

Serviço maravilhoso, café da manhã delícia, quartos super amplos e confortáveis, piscina mara, sauna… Delicinha! Super indico!

top-5-restaurantes-chapada

Agora bora falar de comer bem, né?

Minhas dicas:

top-5-chapada1Esse foi nosso restaurante preferido. Luz de velas, música ao vivo, um charme. Fica em Alto Paraíso!

O cardápio também é incrível, dá vontade de comer tudo. Assim, o cardápio é ainda melhor que o prato quando chega, sabe? Tem alguns pratos que chegaram e a gente tava esperando mais pelo que lemos no cardápio. Mas ainda assim foi nosso preferido!

Vá!

top-5-chapada2Outro lugar MUITO charmoso, já na Vila de São Jorge!

Aliás, indico ir no por do sol. A vista é privilegiadíssima. Decoração uma graça. Super cool.

Então marque de almo-jantar um pouquim antes do sol se por e você não vai se arrepender.

top-5-chapada3Também na Vila de São Jorge, fomos dois dias seguidos.

É o restaurante que abre mais cedo para jantar. E a gente sempre queria comer tarde pra ainda ser almoço e cedo demais para ser jantar, sabe?

Em um dia comemos pizza e no outro crepe. Tem drinks típicos também bem gostosos e música ao vivo todo dia. Delicinha!

top-5-chapada4Foi indicação do Ivan, nosso guia. É o preferido dele em Alto Paraíso, é vegano. Ou seja, o restaurante é vegano! Mas eu dou muita atenção as dicas que de quem mora no lugar, então fomos conferir.

Tem mil tipos de cheeseburgers veganos, é bem lugarzinho de local, mesmo sabe?

Vale super conhecer!

top-5-chapada5Cadê que eu lembro do nome do lugar do açaí? Não lembro. E não achamos foto nem a pau. Mas vou explicar direitinho e não tem como errar.

Acho que comemos esse açaí quase todo dia.

Na Vila de São Jorge, fica bem de frente pro mercadinho, na rua principal. É todo roxo, bem lugar de açaí mesmo, sabe?

E eles fazem açaí com tudo. Mil acompanhamentos. A gente foi só no tradicional banana e granola e era MARAVILHOSO. Sou muita chata com açaí, e pirei no deles. Muito, muito bom!

__

É isso… Um pouco do que comi, onde dormi…

Tomara que vocês tenham gostado, que as dicas tenham valido a pena.

E até nosso próximo destino!

Publicado em: GULA, VIAGEM | Com a(s) tag(s):

PERFIL

INSTAGRAM

TAGS

#AmigosAmigosAmoresaParte #ColunadaPaulinha #instalooks #ItSong #LeitorasNoElevador #paponosso #PlaylistConvidados arte cinema conforto crônicas esmalte estampa exposição festa festival Hummm! iphone Jeans Julia Faria Look do Dia Look of the Day MaratonaOscar! meninos minhas leitoras! Moda de Rua must have música na cabeça No Elevador! Nova York NY quote Restaurante! show São Paulo séries teatro tem que ir tem que ver Trend Alert! verão Viagem vida real videoteca

FACEBOOK

PINTEREST

BUSCAR

ARQUIVOS